Fine art - Fausto Rosa Fotografias
FINE ART

O termo fine art pode ser traduzido como belas artes, porém seu significado vai muito além disso. Outras obras nas áreas de pintura, escultura, desenho, arquitetura, além da fotografia utilizam esse termo para demonstrar a beleza da arte. No meio fotográfico podemos dizer que existe fotografia fine art e impressão fine art. A definição de fotografia fine art é muito controversa, mas eu resumiria como aquela fotografia tecnicamente correta, que consegue impressionar o seu observador pela sua beleza e ser bem aceita pelo mercado.

FOTÓGRAFO

No dias de hoje muitos fotógrafos se intitulam fine art a fim de se promover, mas na verdade o que define o fotógrafo fine art? Vender fotos super valorizadas? Ser conhecido no meio fotográfico? Ter uma, duas ou vinte fotos, no seu portfolio que foram “aceitas” como fine art? Na minha opinião, não existe fotógrafo fine art, apenas fotografia e impressão.

IMPRESSÃO

Já a impressão fine art poderia ser definida como aquela que obedece os critérios exigidos por galerias, museus e colecionadores com o objetivo de conservar a obra da melhor forma possível. No nosso fluxo de trabalho damos preferência para os papéis com fibras de algodão e canvas da Canson. A história da Canson começou a mais de 300 anos na França e tornou-se mundialmente conhecida pela qualidade dos papéis nobres que produz. As obras impressas deste site obedecem os critérios mínimos exigidos pela marca francesa, acompanham uma certificação que comprova sua autenticidade, garantindo uma impressão fineart.

CUIDADOS

Uma obra bem impressa e bem emoldurada pode durar mais de 100 anos sem perder suas características. Você pode passá-la para seus filhos, netos ou eventualmente vendê-la para uma galeria ou colecionador, mas para isso você deverá ter alguns cuidados com a conservação da mesma. Pode parecer exagero, mas qualquer contaminação do papel com bactérias, fungos, produtos químicos, acidez da sua mão, fixador ou contato da madeira utilizada na moldura vão acabar interferindo nesse processo. Portanto, evite pegar na impressão sem luvas, não deixe exposta aos raios do sol, evite o calor, umidade, poeira e tenha muito cuidado com as molduras. O papel não deve estar em contato direto com a madeira, pois esta possui pH ácido e Lignina, uma substância que vai deteriorar o papel. Procure um profissional que tenha boas referências no mercado de molduras e evite tirá-la da embalagem até sua preparação para emolduração.

FINE ART

O termo fine art pode ser traduzido como belas artes, porém seu significado vai muito além disso. Outras obras nas áreas de pintura, escultura, desenho, arquitetura, além da fotografia utilizam esse termo para demonstrar a beleza da arte. No meio fotográfico podemos dizer que existe fotografia fine art e impressão fine art. A definição de fotografia fine art é muito controversa, mas eu resumiria como aquela fotografia tecnicamente correta, que consegue impressionar o seu observador pela sua beleza e ser bem aceita pelo mercado.

FOTÓGRAFO

No dias de hoje muitos fotógrafos se intitulam fine art a fim de se promover, mas na verdade o que define o fotógrafo fine art? Vender fotos super valorizadas? Ser conhecido no meio fotográfico? Ter uma, duas ou vinte fotos, no seu portfolio que foram “aceitas” como fine art? Na minha opinião, não existe fotógrafo fine art, apenas fotografia e impressão.

IMPRESSÃO

Já a impressão fine art poderia ser definida como aquela que obedece os critérios exigidos por galerias, museus e colecionadores com o objetivo de conservar a obra da melhor forma possível. No nosso fluxo de trabalho damos preferência para os papéis com fibras de algodão e canvas da Canson. A história da Canson começou a mais de 300 anos na França e tornou-se mundialmente conhecida pela qualidade dos papéis nobres que produz. As obras impressas deste site obedecem os critérios mínimos exigidos pela marca francesa, acompanham uma certificação que comprova sua autenticidade, garantindo uma impressão fineart.

CUIDADOS

Uma obra bem impressa e bem emoldurada pode durar mais de 100 anos sem perder suas características. Você pode passá-la para seus filhos, netos ou eventualmente vendê-la para uma galeria ou colecionador, mas para isso você deverá ter alguns cuidados com a conservação da mesma. Pode parecer exagero, mas qualquer contaminação do papel com bactérias, fungos, produtos químicos, acidez da sua mão, fixador ou contato da madeira utilizada na moldura vão acabar interferindo nesse processo. Portanto, evite pegar na impressão sem luvas, não deixe exposta aos raios do sol, evite o calor, umidade, poeira e tenha muito cuidado com as molduras. O papel não deve estar em contato direto com a madeira, pois esta possui pH ácido e Lignina, uma substância que vai deteriorar o papel. Procure um profissional que tenha boas referências no mercado de molduras e evite tirá-la da embalagem até sua preparação para emolduração.